Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O número de corridas de táxi solicitadas por aplicativo caiu no Brasil desde a chegada da Uber. Pelo menos é o que indica um levantamento do Departamento de Estudos Econômicos (DEE) do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), divulgado recentemente.

O Cade é o mesmo órgão que, no fim do ano passado, concluiu que a entrada da Uber no mercado brasileiro não “tirou” passageiros de táxis e tampouco derrubou os rendimentos de taxistas. O estudo, desta vez, mede apenas o impacto da empresa em corridas solicitadas por aplicativo.

Veja também:Prefeitura do RJ assina decreto que taxa aplicativos como Uber e 99Prefeitura de São Paulo lança aplicativo de táxi rival do Uber

Entre 2014 e 2016, o número de corridas de táxi solicitadas por apps como 99 e Easy caiu 56,8%, considerando todos os 590 municípios que o estudo do Cade levou em conta. Para cada 1% de aumento no número de corridas por Uber, a queda no número de táxis por app chegou a 0,9%.

Considerando apenas as capitais, a queda no número de corridas de táxi por app foi de 36,9%. Paralelamente a isso, o estudo conclui que o mercado de táxis não reagiu. O preço médio das corridas permaneceu quase igual entre 2014 e 2016, apesar da queda no número de solicitações.

“Além de conquistar usuários de outros modais de transporte que não utilizavam serviços de aplicativos de táxi, a Uber também rivalizou com os serviços de aplicativos de táxi, conquistando parte de seus usuários”, conclui o estudo do Cade. Confira-o na íntegra aqui.

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Compartilhe:

Deixe seu comentário

blog do wordpress